Rock Rocket lança terceiro disco e clipe com promo na web

O trio Rock Rocket

[Por Natasha Ramos]

Depois de “Por um Rock & Roll mais alcoólatra e inconsequente” e o disco seguinte, homônimo, o Rock Rocket, uma das bandas mais R’n’R de São Paulo, lança seu terceiro disco, dessa vez, pela Pisces Records, e já estreia o videoclipe da música “Maria Eugênia”.

O vídeo foi produzido pela Kana Filmes e foi filmado em lugares como o Minhocão e uma galeria no centro da cidade. A música conta com participações de Guizado, no trompete, de Maurício Pereira (Os Mulheres Negras) no sax tenor e de Rafael Crespo (Planet Hemp/Polara/Aspen) no órgão.

No site oficial da RR, a banda anunciou que está procurando a garota que inspirou a letra e quem ajudar a encontrá-la ganhará o novo CD, o clipe e a camiseta do Rock Roocket —e a própria homenageada, é claro, ganhará o mesmo kit.

“A Maria Eugênia foi uma garota que conheci depois de um show do Vangbeats no qual havíamos feito uma participação especial. Troquei telefone com ela e combinei de sair uma semana depois, porém, quando estava chegando lá uma outra amiga minha acabou me ligando e mudei de planos em cima da hora. Aí, nunca mais consegui falar com a Maria Eugênia, ela bloqueou o meu telefone. Pelo menos isso acabou me rendendo uma música legal!”, conta Noel Rouco (vocalista e guitarrista) ao Palco Alternativo.

Quem assina a produção do “Rock Rocket III”, nome do novo álbum, é Rafael Crespo e, segundo Noel, o disco está mais maduro, com influências de soul, jazz, surf music, sem esquecer, é claro, do rock’n’roll. “Mantivemos a velocidade e a energia como uma característica da banda mas colocamos uma nova roupagem em cima. Além das participações do Guizado, Maurício Pereira, Felipe Vassão, Rafael Crespo e do Manoel Trindade, outro diferencial foi o processo pelo qual passamos as músicas durante a gravação, mixamos tudo em uma mesa analógica e da mesa foi pra um gravador de rolo, isso deu uma outra cara pro disco, ele realmente ganhou vida”, explica Noel.

Durante seus dez anos de existência, a banda sempre caminhou no tênue limite entre o underground e o maisntream. Surgido em uma época em que a maioria das bandas de rock brasileiras cantavam em inglês, o grupo ficou conhecido pela música “Puro amor em alto mar” e “Roqueiros também amam”, conseguindo quatro indicações ao VMB. Em 2004, os meninos foram eleitos pelo voto popular na categoria “banda revelação” no Prêmio Claro de Música Independente. E claro, isso chamou a atenção da mídia para a banda.

“Apesar de já termos aparecido em alguns grandes veículos de comunicação sempre considerei o Rock Rocket uma banda underground. Quem não paga jabá pra mim é underground, porque isso te exclui do “filé mignon” da música que é tocar com frequência nas rádios. Tudo o que a gente conquistou foi fruto de muito trabalho e dedicação e a gente mesmo que faz quase tudo pela banda, levamos a sério aquela história do “do it your self”, que é uma das principais características das bandas undergrounds”, conta Noel.

Além da música, o trio flerta com o cinema. O videoclipe da “Doidão”, faixa do segundo álbum (2008), contou com a participação de José Mojica Martins, o Zé do Caixão, e participou da Mostra Internacional de Curta-Metragens de São Paulo.

Em 2012, a banda participou do filme “Luz nas Trevas”, com direção de Ícaro Martins e Helena Ignês —continuação do clássico “O Bandido da Luz Vermelha”, de José Sganzerla. A relação do grupo com o cinema não parou por aí. O grupo ainda participou com a música “Shark Attack”, do filme de Kapel Furman, “Pólvora Negra”, que ficou em primeiro lugar na categoria “trilha sonora” do Prêmio Sesi de 2012.

A gente sempre gostou muito de cinema, por isso sempre que surge uma oportunidade de fazer algo que, de alguma maneira, tenha a ver com isso procuramos nos envolver. De uma maneira geral os convites acontecem quando alguém conhece a banda e indica para o diretor, aí entram em contato com a gente”, explica Noel.

“No ‘Luz nas Trevas’, havia uma cena em que teria uma batida da polícia na Galeria do Rock e queriam a gente tocando nela. Uma música nossa se encaixava no perfil e aí rolou! Também participamos da trilha sonora do filme “Pólvora negra” com a música Shark Attack, que é um surf music instrumental. Nesse caso já éramos amigos do Kapel Furman (diretor) que havia feito um clipe/curta-metragem pra gente antes”, acrescenta.

Além de Noel, a banda é formada por Jun Santos (baixo e voz) e Alan Feres (bateria e voz), e já tocou em alguns dos principais festivais nacionais como Porão do Rock, Ruído, Maquinaria, Gig Rock e Do Sol, contabilizando mais de 500 shows em todas as regiões brasileiras.

One thought on “Rock Rocket lança terceiro disco e clipe com promo na web

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *