20 músicas lançadas em 2020

O incomum ano de 2020 nos trouxe muitas adversidades, mas também muitas novidades. Uma delas foi a estreia da nossa seção e playlist “10 músicas para ouvir no final de semana”. Chegamos a nossa vigésima edição e, como você bem deve ter percebido, não estamos publicando essa matéria em um final de semana. Isto porque a nossa lista de hoje é especial. Dentre as 19 edições de nossa playlist, selecionamos 20 canções. As nossas atualizações e posts semanais voltam em 2021, até lá aproveite a nossa lista!

Confira:

Nevilton – Irradiar

Com a tradicional mistura de MPB e pop rock, Nevilton nos trouxe reflexão certeira em tempos de pandemia: “onde esse mundo vai parar?”. Já é comum que o artista nos presenteie com letras riquíssimas e aqui não foi diferente. Nevilton emana humanidade ao colocar em pontos centrais sentimentos como saudades, afeto e amor.

Thunderbird – Insuportável

Luiz Thunderbird nos agraciou com novas canções em seu novo projeto. Esta faixa, com letra de Rodrigo Carneiro, parece ter sido resgatada da cena pós-punk dos anos 80. Uma viagem no tempo, que nos mantêm nos dias atuais.

Duda Brack – Toma Essa

Duda Brack veio com tudo em 2020 e provavelmente virá com mais força ainda em 2021, quando lançará o álbum “Caco de Vidro”. “Toma Essa” (que ganhou videoclipe super produzido com participação luxuosa de Ney Matogrosso) versa sobre relacionamentos tóxicos, assunto sempre necessário.

Julio Secchin – Festa do Adeus PT.2

O irreverente Julio Secchin cravou a sua assinatura com seu original “funk indie”. Nesta canção o cantor, de forma animada, fala sobre separação.

Bruno Capinan e Luana Carvalho – Paetê

Bruno e Luana uniram vozes neste samba de estilo clássico, de referências como  Vinícius de Moraes e até mesmo Beth Carvalho, mãe de Luana. A sensibilidade ecoa no cantar dos artistas, que versam sobre amor e felicidade. 

Marina Silva – Baião de Clavinet

Marina Silva junto a seu parceiro Jedias Hertz emergiram no cenário fonográfico em 2020. Cheios de originalidade, misturaram baião com funk e colocaram os ouvintes para dançar em “Baião de Clavinet”.

Jovem Dionísio – É Osso

Eles não têm medo de ser pop e a malemolência da banda Jovem Dionísio soa moderna e divertida em “É Osso”, uma das faixas lançadas pelo grupo neste ano.

Power Supply – All Over My Head

O duo Power Supply também estreou em 2020 com o EP “verge.”. Com mensagens sobre autoconhecimento e saúde mental, eles transitaram entre o rock alternativo, o pop punk e o folk. Em “All Over My Head” ilustraram a prisão de um relacionamento abusivo.

Priscila Tossan – Libélulas

Boa surpresa do ano, Prscila chegou com o álbum “Iceberg”. “Libélulas” foi um dos singles do registro e passa a estética de esperança presente no disco.

Francisco El Hombre – Baile Sudaca

Somos latino americanos e a Francisco El Hombre mostrou orgulho diante disso com a canção “Baile Sudaca”. A canção foi lançada em parceria com  o grupo chileno Moral Distraída e ressignifica  o termo sudaca, que tem conotação xenófoba (é utilizado para como menção depreciativa ao povo sul-americano). 

Agnes Nunes – Lisboa

Que tal passear por Lisboa? Com a canção de Agnes Nunes, basta você ligar o som e mergulhar no R&B calcado na belíssima voz da artista.

Lucas Bernoldi – Muito Demais

Lucas Bernoldi traz a figura de Gabiru, personagem de classe média que vive em abastado bairro de São Paulo. A faixa faz parte de álbum de mesmo nome, lançado por Lucas neste ano.

Itamar Assumpção – Beleléu Via Embratel

Quem diria que o Beleléu voltaria em 2020. O retorno, no caso, é um resgate. A música aqui citada foi criada para o festival MPB-Shell, de 1981, porém chegou aos ouvidos do público apenas neste ano. A versão presente nas plataformas de streaming tem participações de Edy Trombone Vange Milliet, Tata Fernandes e Liniker além de, claro, a banda Isca de Polícia.

Danilo Penteado e Maurício Pereira – É A Esperança

Canção inspirada no universo de Nelson Cavaquinho, “É a Esperança” é composição de Luiz Tatit e ganhou participação mais do que especial de Maurício Pereira. 

Mariana Froes – Espelho

Também no universo do samba, a jovem cantora Mariana Froes mostra a paixão pelo gênero ao mesmo tempo que versa sobre amor próprio.

Luedji Luna – Bom Mesmo É Estar Debaixo D’água

Esta é a faixa-título do cultuado álbum lançado por Luedji Luna neste ano. Leve e calma, a música carrega o ouvinte como que se o mesmo estivesse envolto pelas ondas do mar.

André Abujamra – Fogo na Minha Cabeça

Outra importante figura da música brasileira marcou presença em 2020. Um dos trabalhos lançados por André Abujamra foi o envolvente e inteligente rock “Fogo na Minha Cabeça”

Rashid – Blindado

Quem não queria ser blindado ao ano de 2020? Bom, a faixa presente no disco “Tão Real” de Rashid ganhou versão de single após lançamento de videoclipe. Uma mensagem de força para encararmos cada dia.

Kikito e Malu Gadelha – Jogo de Espelhos

Uma das mais deliciosas músicas lançadas em 2020, “Jogo de Espelhos” é uma das parcerias entre Kikito e Malu Gadelha. A música é uma reflexão sobre a tendência se enxergar no outro quando estamos tentando buscar/entender a si mesmo. 

Maglore e Josyara – Liberta

A banda Maglore se juntou a Josyara para resgatar uma canção que foi descartada do álbum “Todas as Bandeiras”. O ponto central da música é a liberdade. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *